Publicidade
Marmoaria

Diário X

28 de maio de 2020
Aqui tem a Verdadeira Notícia
27º 12º
Coxim/MS
25º 11º
Campo Grande/MS
20º
São Paulo/SP
25º 11º
Brasília/DF

Política

Mandetta faz apelo aos governadores: “Não façam atitudes intempestivas...”

29 MAR 2020Por Paulo Ricardo08h:00

O Ministro de Estado da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, na sua coletiva de sábado (28), explicou que não existe quarentema vertical e nem horizontal, mas fez um apelo para os governadores.

Quarentena

O ministro afirmou, no seu pronunciamento, que não existe nenhum plano de quarentema vertical ou horizontal, mas existe a necessidade de arbitrar, em um determinado tempo, qual é o grau de retenção que uma sociedade deve fazer.

Lockdown

Mandetta informou que o ‘lockdown’ (termo em inglês, que significa bloqueio) pode ser aplicado no Brasil. Nessa pandemia do Covid-19, a palavra quarentena também tem sido usada para designar essas restrições mais drásticas, como nos casos da Itália e da Espanha.

“O lockdown que é a parada absoluta total, ela pode vir a ser necessária em algum momento, em alguma cidade”, afirmou Mandetta.

“O que não existe é um lockdown, um fechamento de todo o território nacional, ao mesmo tempo, desarticulado, isso é um desastre que vai causar muito problema pra nós da saúde”, esclareceu o Ministro.

Para evitar atitudes intempestivas, o ministro Mandetta fez um apelo aos governadores:

“Não façam atitudes intempestivas de entrar com ações [via judiciário] e entrar numa fábrica de máscaras e pegar todas as máscaras pra si, agora é preciso coordenar a ação nacional, se for dessa maneira de quem pode mais chora menos nós vamos ter um problema que todos possamos chorar, então precisa sentar e precisa organizar, a saúde tem os seus mecanismos, nós temos o sistema de pacto [...]”

“Se for cada um olhar pro seu umbigo, vai ficar muito difícil e nós vamos poder ter muitos problemas pra poder organizar um país tão complexo como esse, nós temos gente, temos capacidade, temos o diagnósticos, temos números, basta que nós façamos tudo juntos”, finalizou sobre o assunto.

Conforme o ministro, neste domingo (29), as equipes da saúde e da economia vão estar montando um plano para evitar uma crise econômica durante o combate ao Covid-19

“Vamos ver se a gente consegue fazer um plano mínimo que compatibilize saúde e economia, esse é o nosso trabalho de final de semana junto com a equipe econômica [...], o presidente tá certíssimo quando ele fala – a crise econômica vai matar as pessoas, as pessoas não aguentarão a fome – tá certíssimo, e nós somos 100% engajados em achar a solução junto com a equipe da economia [...]”, concluiu Mandetta.

Veja abaixo o vídeo da coletiva:

Leia Também