TAVEL
Logo Diario X
Aqui tem a Verdadeira Notícia
26 de outubro de 2021
31º 18º
Coxim/MS
29º 17º
Campo Grande/MS
22º 15º
São Paulo/SP
27º 22º
Brasília/DF

Polícia

Polícia Federal encontra 155 kg de cocaína após cavar carga de açúcar por mais de 10h

20 SET 2021Por Redação/EC07h:40

A Polícia Federal apreendeu cerca de 155 kg de drogas escondidas em um carregamento de açúcar no Porto de Santos, no litoral de São Paulo, durante a noite de sábado (18). Segundo apurado pelo G1, os agentes cavaram por mais de 10 horas até encontrar todo o entorpecente. 

A apreensão ocorreu durante a Operação Ágata Arco Sul-Sudeste, conduzida pelo Comando do 8° Distrito Naval, e ocorreu em conjunto com equipes da PF e da Receita Federal em um dos terminais portuários. Durante as inspeções, os agentes descobriram que um navio graneleiro, que transportava um carregamento de açúcar com destino a Nigéria, tinha escondido grandes porções de cocaína. 

Diante da situação, os policiais passaram a cavar a carga, e após mais de 10h horas de busca, localizaram toda a droga espalhada pela carga. A cocaína estava armazenada em grandes bolsas. Os entorpecentes foram retirados e apreendidos, totalizando cerca de 155 kg. 

Simultaneamente, mergulhadores do Comando de Patrulha Naval Sul Sudeste fizeram a inspeção submersa, para verificar se havia novos malotes de cocaína nas caixas de mar do navio. No entanto, nada foi localizado. 

O caso foi registrado na Delegacia Federal de Santos, onde será investigado. De acordo com a Polícia Federal, as equipes apuram como a droga foi colocada em meio a carga, qual o destinatário e quem é o dono. 

Operação

De acordo com a Capitania dos Portos, a operação amplia a integração entre ministérios, órgãos federais, estaduais e agências governamentais, com o objetivo de contribuir para o fortalecimento da prevenção, controle, fiscalização e repressão dos delitos transfronteiriços e dos crimes ambientais. 

A Ágata Arco Sul-Sudeste é realizada na área marítima dos estados de São Paulo e Paraná. Até o último sábado, 125 embarcações foram inspecionadas, sendo 21 notificadas, sete apresadas e uma apreendida.

G1

Ceres

Leia Também