TAVEL
Logo Diario X
Aqui tem a Verdadeira Notícia
07 de dezembro de 2021
35º 24º
Coxim/MS
33º 23º
Campo Grande/MS
21º 15º
São Paulo/SP
27º 19º
Brasília/DF

Polícia

PM faz operação no Alemão e na Maré; moradores relatam intenso tiroteio e policial é baleado

Desde o início da manhã, moradores relatam pelas redes sociais um confronto intenso na região. Eles diziam também que suas casas foram invadidas por agentes.

22 ABR 2021Por Redação/ Talyta Rodrigues16h:41

Agentes do Bope e do Batalhão de Choque da Polícia Militar fazem, na manhã desta quinta-feira (22), uma operação em uma localidade conhecida como Nova Brasília, no Complexo do Alemão. Policiais também estão na Baixa do Sapateiro, no Complexo da Maré. Ambas as comunidades ficam na Zona Norte do Rio.

Um policial do Batalhão de Operações Especiais (Bope) levou um tiro na cabeça durante a operação no Alemão. Ele foi levado para o centro cirúrgico do hospital Getúlio Vargas, na Penha, na Zona Norte.

Até as 11h30, não havia informações de moradores feridos, prisões ou apreensões.

Uma decisão do STF de agosto de 2020 impede operações policiais durante a pandemia, a não ser em "hipóteses absolutamente excepcionais".

Em nota, a Polícia Militar afirmou que realiza uma operação nas comunidades do Alemão, Fazendinha e Nova Brasília para reprimir o conflito entre facções criminosas rivais. Para a PM, a ação ocorre dentro dos princípios de excepcionalidade visando a preservação da ordem pública, e comunicada ao Ministério Público.

Segundo a secretaria, de acordo com as informações do setor de inteligência, os suspeitos utilizam armamento de guerra. A Pm também investiga a circulação de criminosos armados oriundos de outras comunidades da região metropolitana do Rio na região do Alemão.

Reclamações

Logo cedo, agentes fizeram uma blitz em um dos principais acessos da Nova Brasília e revistaram suspeitos. Policiais circularam pelas ruas em um veículo blindado. O trânsito seguia livre e o transporte público operava sem interrupções.

Porém, as vias internas das duas comunidades ficaram praticamente vazias. Moradores relataram pelas redes sociais o confronto intenso na região e disseram que não conseguiram sair para trabalhar.

René Silva, fundador do jornal Voz das Comunidades, postou em uma rede social um vídeo com o forte som de tiros no Complexo do Alemão.

Em outro post, René diz que moradores reclamam que os agentes estão invadindo lajes e quintais.

Em entrevista ao RJ1, René Silva afirmou que ações de distribuições de cestas básicas tiveram que ser interrompidas na região.

“Tivemos que interromper a entrega de cestas básicas devido ao tiroteio que acontece às 6h. Tem o medo do vírus, o medo dos tiroteios e as pessoas ainda sofrendo pela falta do que comer”, afirmou ele.

Em outra postagem, a coordenadora de comunicação do jornal afirma que os blindados da PM causaram danos aos carros dos moradores.

O G1 já pediu esclarecimentos à PM. Até as 11h45, não havia retorno da Secretaria de Polícia Militar.

Guilherme Peixoto, Bom Dia Rio 

Ceres

Leia Também