Sonora Matéria
Logo Diario X
Aqui tem a Verdadeira Notícia
28 de janeiro de 2022
31º 22º
Coxim/MS
29º 21º
Campo Grande/MS
26º 19º
São Paulo/SP
28º 16º
Brasília/DF

Polícia

Caçadores são multados em R$ 30 mil, presos com carcaças de jacarés e porte ilegal de armas

Autores assumiram terem abatidos os amimais

21 OUT 2021Por Redação/TR16h:21

Policiais Militares Ambientais foram acionados pela Polícia Militar na madrugada de quarta-feira (20), para dar uma multa ambiental, a duas pessoas que estavam com três carcaças de jacaré-de-papo-amarelo, no município de Rio Negro, que fica a 151 km de Campo Grande.

Segundo informações da PMA, os policiais estavam realizando patrulhamento em uma estrada na entra da cidade, momento em que eles abordaram uma caminhonete Toyota Hilux, com dois ocupantes, ambos de 38 anos e moradores de Campo Grande. Após vistoria, os agentes encontraram no veículo, dois rifles calibre 22, carregados com 22 munições intactas e sem documentação, além de três filhotes de jacarés abatidos.

Os autores assumiram terem abatidos os amimais, a cerca de 90 km da cidade, em uma lagoa à margem da estrada. Diante dos fatos eles foram presos em flagrante e conduzidos à Delegacia de Polícia Civil de Rio Negro, onde foram autuados em flagrante por crime de posse ilegal de munições e armas e por caça dos animais, com multa de R$ 15 mil para cada um.

A multa será julgada pelo Instituto de Meio Ambiente de Mato Grosso do Sul (Imasul). A pena para o crime ambiental de caça é de seis meses a um ano de prisão, já para o crime de posse ilegal de arma, um a três anos de detenção.

Marcos Tenório - JD1 News

Ceres

Leia Também