CENARIO
Logo Diario X
Aqui tem a Verdadeira Notícia
16 de junho de 2024
Coxim
24ºC

Estado MS

Vladimir Ferreira o novo presidente estadual do PT quer Jaime da Fetems disputando prefeitura de Campo Grande

25 OUT 2019Por Redação19h:08

Com problemas de saúde, o ex-governador e ex-deputado federal, José Orcírio Miranda, o Zeca do PT, saiu da presidência do Partido dos Trabalhadores, em seu lugar, no diretório estadual da legenda, assume o presidente da Câmara de Coxim, Vladimir Ferreira, eleito no último sábado (19) em Campo Grande. E o novo líder da sigla revela que buscas nomes fortes para disputar a prefeitura da capital, entre os quais ele cita o presidente da Federação dos Trabalhadores em Educação de Mato Grosso do Sul (Fetems), professor Jaime Teixeira.

De acordo com Vladimir, a legenda tem vários planos em relação ao pleito de 2020. “Vamos construir uma agenda com todas as nossas direções municipais. Conversei com a nossa presidente nacional, deputada Gleisi Helena Hoffmann, e assim que acabar o congresso nacional do partido no dia 24 de novembro, nós vamos organizar uma posse política, pois o nosso mandato começa no dia 1º de janeiro de 2020”, explicou.

“E assim vamos convocar todas as direções eleitas nos municípios este ano. E nessa atividade vamos fazer um debate político, mas também a organizativa da legenda para discutir a questão eleitoral, contábil e traçar metas com as executivas municipais”, acrescentou.

O novo presidente do Partido do Trabalhador em Mato Grosso do Sul disse, já visando às disputas municipais, que a legenda pretende fazer um levantamento para decidir onde o PT encabeçará chapa à candidato a prefeito. “Vamos analisar também onde vamos compor chapa como vice. O principal foco é a construção das nossas chapas proporcionais, vamos trabalhar muito para que elejamos vários vereadores, principalmente nos principais centros políticos eleitorais do Estado”, destacou.

Vladimir Ferreira, presidente estadual do PT Foto: Assessoria

Candidato em Campo Grande

Além de Zeca, o partido pensa em outros nomes para colocar na disputa à cadeira do executivo de Campo Grande. “Temos também como opção os deputados, Pedro Kemp, Cabo Almi e também estamos discutindo com o presidente da Fetems, professor Jaime Teixeira”, revelou.

Vladimir confirmou ao JD1 Notícias que o ex-governador, Zeca, quer ficar liberado à atividade política, pois gerir o partido consome muito tempo. “Ele pediu um tempo para organizar a sua vida pessoal, pois precisa também fazer um tratamento de saúde. Mas ele permanecerá no diretório e brevemente estaremos andando juntos com este que é a nossa principal liderança”, justificou.

Coligações

A frente do PT, Ferreira pretende iniciar algumas discussões para propor aos partidos uma “Caravana da Democracia”. “Essa caravana seria constituída pelo PT, PDT, PSB, PCdoB, PSOL, além dos movimentos sociais e entidades sindicais para discutir a delicada situação que o Brasil está vivendo”, afirmou. 

"Antes de discutir eleição, acho que o principal papel do congressista é discutir a atual conjuntura do país, defender a democracia e a soberania brasileira e assim iniciar uma articulação dentro do nosso campo com vistas às eleições do ano que vem. Esperamos construir muitas alianças em 2020", finalizou.

Fonte: JD1 - Mauro Silva

M9

Leia Também