CENARIO
Logo Diario X
Aqui tem a Verdadeira Notícia
22 de maio de 2024
Coxim
24ºC

Estado MS

Corrida de rua marca as comemorações do Dia do Trabalhador

Prefeitura decretou ponto facultativo na segunda-feira (30)

27 ABR 2018Por Redação/TR17h:45

O feriado do Dia do Trabalho será comemorado em Dourados com a realização da Corrida do Trabalhador. Até agora cerca de quatrocentos atletas já se inscreveram para a prova que está sendo organizada pela Fundação de Esportes de Dourados (FUNED)

Jânio Amaro, presidente da Funed afirmou que a prova tem percurso de 5 quilômetros, com largada às 8 horas, na Praça Antônio João, e chegada ao mesmo local.

Segundo ele os corredores seguirão pela Marcelino Pires, sentido ao Monumento dos Colonos, e retornam pela mesma avenida, logo após a conversão no cruzamento com a Rua 31 de Março, uma rua antes da Coronel Ponciano.

Receberão troféus e medalhas os cinco primeiros colocados no geral, tanto no masculino como no feminino, e os três primeiros por faixa etária - até 17 anos, de 18 a 29, de 30 a 39, de 40 a 49, de 50 a 59 e de 60 anos acima, além de cadeirantes. Os 200 corredores que concluírem o percurso serão agraciados com medalhas de participação.

A prova conta com o apoio das secretarias municipais de Educação, de Saúde e de Serviços Urbanos, da Guarda Municipal, Guarda Municipal, da Agetran, Guarda Mirim e Corpo de Bombeiros.

PONTO FACULTATIVO

A prefeita Délia Razuk (PR) decretou ponto facultativo no próximo dia 30, segunda-feira. Justificada pelo feriado do Dia do Trabalhador, celebrado na terça-feira, 1º de maio, a medida faz com que só haja expediente nas repartições públicas da Prefeitura de Dourados a partir da quarta-feira (3).

Divulgado em edição suplementar do Diário Oficial do Município de hoje (25), o Decreto nº 965, de 24 de abril de 2018 indica que “considerando o feriado nacional do dia 1º de maio do corrente ano – Dia Mundial do Trabalho”, “fica considerado facultativo o ponto nas repartições públicas municipais, no dia 30 de abril de 2018 – segunda-feira”.

Conforme o decreto os serviços considerados essenciais funcionarão normalmente durante o período, “sem qualquer pagamento adicional aos servidores lotados nestes órgãos”. Na saúde pública, conforme assessores da prefeitura, não haverá expediente nas Unidades Básicas de Saúde da Família Somente a UPA (Unidade de Pronto Atendimento) 24 horas prestará os atendimentos e encaminhará pacientes ao Hospital da Vida caso confirme necessidade. O SAMU (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) vai atender normalmente.

Fonte: Correio do Estado

M9

Leia Também