Diário X

20 de setembro de 2019
Aqui tem a Verdadeira Notícia

Estado MS

COINTA cadastra junto ao MAPA Projeto para implantação de frigorífico de peixes em Coxim

12 SET 2019Por Redação07h:20

O Consórcio Intermunicipal para o Desenvolvimento Sustentável da Bacia Hidrográfica do rio Taquari (COINTA) incluiu junto à Plataforma + Brasil SICONV, projeto completo para reestruturação e implementação da cadeia produtiva da piscicultura na Região Norte de Mato Grosso do Sul, por intermédio do Ministério da Agricultura Pecuária e Abastecimento (MAPA).

O projeto contempla reestruturação e implementação da cadeia produtiva da piscicultura na Região Norte de Mato Grosso do Sul onde foi solicitado a construção do prédio do frigorífico, juntamente com os equipamentos necessários para o funcionamento e a construção de uma fábrica de ração totalmente equipada.

O projeto contempla também a aquisição de uma escavadeira hidráulica e custeio de profissionais durante 12 meses para Assistência Técnica ao produtor.

Os municípios participantes do consórcio estão localizados numa região rica em recursos hídricos, sendo assim, propicia para a atividade da piscicultura. O município de Coxim é o que tem a maior produção de pescado do consórcio, sendo aproximadamente 50 toneladas por ano, seguido por Sonora e Rio Verde de Mato Grosso que juntos produzem cerca de 10 toneladas por ano. Busca o fomento da piscicultura junto aos produtores dos municípios da região.

Diante do cenário econômico, a região tem uma enorme demanda no consumo de peixe, os produtores vão poder receber apoio no que diz respeito a industrialização dessa produção e comercialização do pescado com a proposta cadastrada. Considerando que as espécies de maior valor e aceitação no mercado são o pacú, pintado, piau – assú, sendo estas propícias à exportação devido a qualidade de sua carne.

Em breve levantamento, ficou constatado que a região tem produção suficiente para a implantação de um frigorífico em Coxim para atender todos os municípios que fazem parte do COINTA

Pelo fato de Coxim ter uma cooperativa em funcionamento, em parceria com o consórcio – o COINTA facilitará a modernização e o fomento da produção destes pequenos empresários, colocando-os em cenário nacional e internacional, considerando que temos mercado não só no Brasil, mas também em vários outros países do mundo.

A implantação deste frigorífico vem de encontro às diretrizes do programa, pois com o atual cenário de crise econômica nacional fica difícil para estes produtores conseguirem a implantação de um frigorífico sem o apoio do Governo Federal.

O COINTA, analisando a necessidade e vendo a crescente demanda no consumo de pescado, buscou junto ao Ministério da Agricultura, através da Ministra Tereza Cristina -  MAPA a aquisição destes equipamentos para que em conjunto com a cooperativa já existente, possa não só fomentar a produção, mas também incentivar a cadeia produtiva da piscicultura com a adesão de novos produtores ao programa, pois temos na região norte do estado de Mato Grosso do Sul uma riqueza enorme com o potencial da qualidade dos recursos hídricos sendo ainda poucos explorados.

Assim a implantação da indústria e fortalecimento da cadeia produtiva da piscicultura trará benefícios à toda população dos dez municípios participantes do consórcio com uma perspectiva de crescimento econômico e social, através da geração de emprego e renda, afirmou o presidente do COINTA, Mário Kruger.

Já o prefeito de Coxim, Aluízio São José, está muito otimista que o frigorífico de peixe possa alavancar o município e, para isso, está enviando à Câmara de Vereadores projeto para ser aprovado da doação da área de 30 mil m² para a construção do frigorífico. O projeto já está aprovado no Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, agora falta apenas aguardar a aprovação da área que será doada pelo Município para que se inicie a construção.

Fonte: Mídia News MS

Publicidade
Banner Parceiros

Leia Também