Publicidade
Marmoaria

Diário X

26 de outubro de 2020
Aqui tem a Verdadeira Notícia
29º 23º
Coxim/MS
27º 22º
Campo Grande/MS
30º 17º
São Paulo/SP
26º 18º
Brasília/DF

Estado MS

Ao fazer rondas, polícia vê mulher pedindo socorro após abelhas atacarem o marido: 'Está morrendo'

15 OUT 2020Por Redação Emilly Constanci13h:10

A Polícia Militar Ambiental (PMA) de Dourados, na região sul do estado, socorreu um homem que sofreu um ataque de abelhas, na quarta-feira (14).

A ajuda veio no momento em que a equipe fazia rondas na região do Parque Estadual das Várzeas do Rio Ivinhema, e viu a mulher pedindo socorro para a vítima, de 53 anos, na frente de uma fazenda próxima ao parque.

No depoimento, ela disse que o esposo estava morrendo após ter sofrido o ataque das abelhas, sendo que estaria na sede da fazenda e ela não podia socorrê-lo porque não tinha forças para colocá-lo no carro e também não sabia dirigir.

Imediatamente, os policiais foram ao local e perceberam que ele estava "desorientado e com muita dificuldade para respirar". Ele relatava que não conseguia caminhar, pois, a cabeça parecia estar girando e com a vista muito turva. Ainda conforme a polícia, havia muitas picadas de abelhas pelo corpo do homem.

O homem foi levado para o hospital mais próximo, que é a Maternidade de Novo Horizonte do Sul, a cerca de 45 Km da fazenda. Na ocasião, o médico disse que o estado de saúde dele era grave, já que "as vias respiratórias da vítima estavam inflamadas" e, em questão de pouco tempo, ele poderia ter morrido.

A PMA aguardou no local por mais duas horas, quando a equipe informou que conseguiu estabilizar o paciente e ele não corria mais risco de vida.

Fonte: G1 - Graziela Rezende

Publicidade
.

Leia Também