Sonora Matéria
Logo Diario X
Aqui tem a Verdadeira Notícia
28 de janeiro de 2022
31º 22º
Coxim/MS
29º 21º
Campo Grande/MS
26º 19º
São Paulo/SP
28º 16º
Brasília/DF

Esportes

Irmãos de Mato Grosso do Sul conquistam pódio em campeonato nacional

11 OUT 2021Por Redação/EC08h:14

Os sul-mato-grossenses Assíria Daniela, Paulo André e Pedro Samuel conquistaram medalhas no Campeonato Brasileiro Cadete e Júnior de Wrestling 2021.

Os três irmãos, famosos como “Irmãos Silva”, são conhecidos nacionalmente e, até mesmo, internacionalmente pela bela atuação nos campeonatos de wrestling, modalidade também conhecida como luta olímpica.

No sábado (9) os três subiram ao pódio na Arena de Lutas Aline Silva, no ginásio do Sesi de Cubatão (SP), em suas respectivas categorias. 

Paulo André Gonçalves da Silva, caçula do time, conquistou a medalha de ouro na classe cadete masculino pela categoria até 65 quilogramas (kg), no estilo livre.

Pedro Samuel Gonçalves da Silva, o irmão do meio, conseguiu o segundo lugar na classe júnior masculino  até 74 kg, no estilo livre, ficando atrás apenas do carioca Pedro Henrique Campos.

Já Assíria Daniela Maurício da Silva, irmã mais velha, terminou a competição com o bronze, na classe júnior feminino até 53 kg, também no estilo livre. 

Para ela, ter os irmãos juntos é um grande incentivo em sempre tentar ir além nas competições. 

“É bem diferente e eu considero muito bom, cada um conhece as limitações do outro, física e psicologicamente. Nós sempre fomos bem próximos e acho que isso ajuda bastante, um motiva o outro, um aquece com o outro”, disse.

“Embora treinamos juntos, cada um tem seu próprio jogo e estilo de luta e eles sempre me lembram meus pontos fortes e fracos, como montar uma estratégia, que perna atacar. Tudo isso é realmente relevante”, continua Assíria.

Neste ano, o trio que treina junto sob o comando técnico de Agnaldo Pereira dos Santos, participou do Pan-Americano Cadete e Júnior 2021, em Oaextepec, no México.

No país mexicano, Paulo André conquistou a medalha de prata para a seleção brasileira. Já Assíria terminou na quinta colocação e Pedro Samuel em sétimo lugar.

Correio do Estado MS - Alex Nantes 

Ceres

Leia Também