Publicidade
Marmoaria

Diário X

13 de agosto de 2020
Aqui tem a Verdadeira Notícia
36º 22º
Coxim/MS
34º 21º
Campo Grande/MS
30º 15º
São Paulo/SP
30º 15º
Brasília/DF

Coxim MS

Comandante da Policia Militar em Coxim responde oficio da vereadora Lucia da AAVC sobre agressão a uma criança, praticado por um cabo da corporação

19 NOV 2019Por Valdeir Simão17h:38

Na sessão ordinária da Câmara Municipal de Coxim, na noite de terça-feira (12), o 1º secretário da Mesa Diretora do poder Legislativo, procedeu a leitura do ofício encaminhado pelo Comandante do 5º Batalhão de Policia Militar em Coxim, em atendimento ao ofício da vereadora Lucia da AAVC - presidente da Comissão de Defesa da mulher, criança, adolescente e idoso.

O ofício também foi assinado pelos demais vereadores componentes da comissão - Mecias Alves, Amoacir Alexandre e Dinalva Mourão -  solicitando junto ao comando da Polícia Militar em Coxim, informações sobre as providências que foram tomadas com relação ao caso de agressão praticado por parte de um cabo da corporação do 5º BPM, visto que trata-se de uma criança de 13 anos, que foi encaminhada para Santa Casa de Campo Grande.

Em resposta, o comandante do 5º Batalhão de Polícia Militar encaminhou o Ofício nº 173/SJD/5ºBPM/19, datado de 05 de novembro de 2019, nos seguintes termos:

"Em atenção ao ofício nº 101/2019 de 29 de outubro de 2019, expedido pelo  Gabinete da Vereadora Lucia da AAVC, informo que, tendo chegado ao meu conhecimento a declaração da Senhora P. A. C. N., com relatos de que teria visualizado seu sobrinho, o menor M. V. N. F., sendo agredido fisicamente, por volta das 20h00min pelo CB PM A. F. T., em 24/10/2019, nesta cidade de Coxim-MS, durante a folga do referido policial militar.

Vereadora Lucia da AAVC e o Major Luiz Cesar. Foto: Valdeir Simão - Diário X

Para conhecimento e deliberação de Vossa Senhoria, esclareço que, no intuito de realizar uma investigação pormenorizada do ocorrido, foi instaurado Inquérito Policial Militar de Portaria Nº 00346/IPM/CORREG/PMMS/2019, em 25 de outubro de 2019, assim como também foi determinado por este comando o afastamento das atividades operacionais, do policial militar envolvido nos fatos.

Nesta oportunidade, este comando esclarece que não coaduna com nenhum tipo de desvios por parte dos seus policiais militares, procedendo a apuração de todas as possíveis irregularidades de que tem conhecimento, preservando o direito ao contraditório e a ampla defesa, buscando promover o respeito às leis e regulamentos, trabalhando incansavelmente pela preservação da ordem pública, para o bem da sociedade sul-mato-grossense". 

Respeitosamente.

LUIZ CESAR DE SOUZA HERCULANO - MAJ QOPM
Comandante do 5º BPM
 

Publicidade
.

Leia Também