Publicidade
Point do suco

Diário X

03 de março de 2021
Aqui tem a Verdadeira Notícia
33º 23º
Coxim/MS
31º 22º
Campo Grande/MS
31º 19º
São Paulo/SP
27º 17º
Brasília/DF

Brasil

Banco do Brasil libera mais um R$ 1 bilhão para financiamento de maquinários

23 FEV 2021Por Emilly Constanci21h:00

O Banco do Brasil, anuncio a oferta de mais R$ 1 bilhão em recursos financeiros para o financiamento de maquinários a partir de terça-feira (23).  

A instituição financeira tomou a decisão após o quase esgotamento do crédito de R$ 1 bilhão disponibilizado em novembro  de 2020, voltado para aquisição de maquinários agrícolas.

De acordo com o vice-presidente em Agronegócios, João Rabelo Junior, o capital será disponibilizado pela linha Investe Agro com taxa de 7,5% ao ano e prazo de 6 anos para pagamento.

É previsto que o novo reforço possa suprir a a demanda do mercado até o início do próximo Plano Safra de julho.  

Durante transmissão online o presidente do Banco do Brasil, André Brandão, informou a exclusão da tarifa de análise de crédito, a decisão da instituição deixa de cobrar 0,5% sobre o valor da renegociação.  

João Rabelo pontua que a iniciativa é um meio de suporte prestado pela instituição.“É um apoio que o banco pode dar ao produtor no momento em que ele mais precisa”, ponderou.

Plano Safra 2021/22

A ministra da Agricultura, Tereza Cristina, afirmou nesta terça-feira, 23, que pretende lançar um Plano Safra 2021/22 "melhor" que o apresentado para a safra 2020/21. 

"Vamos fazer o possível para que este Plano Safra (2021/22) atenda o maior número de produtores, mantendo o foco do ministério no pequeno e médio produtor", disse Tereza Cristina em evento online de lançamento oficial do custeio antecipado da safra 2021/22 do Banco do Brasil, sem detalhar de que forma o ministério pretende incrementar o Plano Safra 2021/22.

Na ocasião, a ministra reforçou que as contrações de crédito dentro da safra 2020/21 (entre julho de 2020 e janeiro deste ano) já somam R$ 135,4 bilhões, 17% a mais do que o volume contabilizado em igual período da safra passada.

Na cerimônia do BB, ela voltou a falar da necessidade do setor de contar com "cada vez de mais parceiros" de crédito rural "acreditando no nosso negócio", assim como "crédito novo".

Destacou ainda a importância da oferta de recursos para produtores anteciparem a compra de insumos para a próxima safra com preços mais baixos agora.

Thais Libni - Correio do Estado MS

Publicidade
Chicão

Leia Também