Publicidade
Marmoaria

Diário X

28 de maio de 2020
Aqui tem a Verdadeira Notícia
27º 12º
Coxim/MS
25º 11º
Campo Grande/MS
20º
São Paulo/SP
25º 11º
Brasília/DF

Boca Pequena

ESPERTOS, OPORTUNISTAS OU INOCENTES?

15 MAI 2020Por Redação13h:13

Para as transmissões das lives no Facebook que se tornaram rotinas devido a pandemia do coronavírus (Covid-19) - de forma exemplar, impessoal e legal - o Governo Federal utiliza a página do Ministério da Saúde. A Secretaria Estadual de Saúde utiliza a página do Governo do Estado de Mato Grosso do Sul.

Em Coxim, que é exceção em uma série de situações e tem sido referência negativa em gestão, o prefeito Aluizio São José (PSB) utiliza a sua página pessoal no Facebook para fazer as chamadas, transmissões das lives e os Boletins Epidemiológicos como fonte inicial e principal

Assim que se inicia a live na página Aluizio São José, quase que simultaneamente, o secretário de Saúde, vereador licenciado Franciel Oliveira, abre uma sala de vídeo, também em sua página pessoal e em seguida acontece o compartilhamento na página do Facebook da Prefeitura Municipal de Coxim. 

Se o Município tem a própria página no Facebook, porque utilizar a página pessoal do prefeito, que pelas publicações (veja as fotos na galeria abaixo), teve até agora como objetivos principais a divulgação das suas duas campanhas eleitorais e as aventuras pelo Pantanal com os seus amigos e parceiros de rally.

O secretário de Saúde e vereador Licenciado Franciel Oliveira, também utilizou a sua página pessoal para a divulgação de suas campanhas eleitorais, que assim como a página Aluizio São José, tornam-se uma verdadeira mistura entre assuntos públicos, particulares e políticos, com os dois turbinando suas páginas pessoais e adquirindo muito mais visibilidade, ao divulgarem assuntos de total interesse no momento: o coronavírus.

Mas como as páginas são deles, podem e devem divulgar o que bem quiserem, mas que sejam páginas compartilhadoras das ações publicadas na página oficial do Facebook da Prefeitura Municipal de Coxim, como tem acontecido com centenas de pessoas e até mesmo com o site Diário X, que tem dado especial atenção em levar a informação para os assíduos leitores 

Não utilizar a página oficial da Prefeitura de Coxim como ferramenta principal das ações do poder Executivo, parece ser algo um tanto estranho, visto que com o interesse da população sobre o coronavírus, é uma importante oportunidade de aproximação com o público, sendo uma eficaz ferramenta que pode trazer mais pessoas para a discussão administrativa e comunitária da cidade.

Através do Facebook, democratiza-se a comunicação e permiti que informações e mensagens importantes alcancem e cheguem a um maior número de cidadãos, sem nenhum custo para os cofres públicos do Município. 

Essa intrigante e sombria situação merece uma avaliação mais profunda do Ministério Público Estadual, onde possivelmente o Promotor Público Eleitoral deve emitir mais uma Recomendação ou um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC), instrumentos utilizados inúmeras vezes em Coxim, disciplinando e regulamentando ações do Executivo.

Ao findar de quase 8 anos de mandato, com mais 4 anos de vereador, totalizando 12 anos de experiência política administrativa, o prefeito de Coxim e o secretário de Saúde, ainda se veem - constantemente - recebendo instruções e orientações, ensinando-os como conduzir uma gestão pública. Um promotor tem que, obrigatoriamente, ter a paciência de Jô, senão ...   

Utilizar a pandemia do coronavírus, até mesmo para promoção pessoal e/ou política, com o objetivo de obter likes, fãs e seguidores, é algo deprimente e inaceitável, em qualquer situação e esfera governamental

Fazer as transmissões pela página da Prefeitura Municipal de Coxim, além da isenção de qualquer interesse pessoal, por menor que seja, levaria o cidadão coxinense a se interessar por mais uma ferramenta oficial de comunicação do poder Executivo, que podem incentivá-los a conhecer um importante acesso das contas públicas no site oficial do Município, denominado PORTAL DA TRANSPARÊNCIA.

Sem contar ainda que após 31 de dezembro de 2020, Aluizio São José não será mais prefeito, o que para Coxim, as milhares de visualizações, curtidas e compartilhamentos que foram realizadas em sua página pessoal, não servirão para nenhum interesse do Município, que se fossem realizadas na página oficial da Prefeitura Municipal de Coxim, toda vez que seja publicado algo na página, o internauta seria notificado e informado, de forma gratuita.

Resumindo os fatos

Se o prefeito de Coxim ou qualquer outra pessoa do poder Executivo não tem nenhum interesse pessoal e escuso nas chamadas, transmissões das lives e nas publicações dos Boletins Epidemiológicos em suas páginas pessoais, que então coloquem em prática os princípios da legalidade, impessoalidade, moralidade, eficiência e transparência, fazendo onde deve ser feito, ou seja, na página oficial da Prefeitura Municipal de Coxim.

FICA A DICA !!!

 
  • Imagens: Reprodução / Facebook

Leia Também