Diário X

19 de setembro de 2018
Aqui tem a Verdadeira Notícia

Campo Grande MS

Mais uma vez, creche mantida por ONG é alvo de ladrões

Joias de Cristo foi invadida durante a madrugada e perdeu televisão de 50 polegadas doada há um mês; diretora afirma que furtos na região têm sido comuns

16 SET 2018Por Redação/TR10h:10

Ladrões invadiram na madrugada de sábado (15) a creche Joias de Cristo, localizada na travessa Lótus, na Vila Bandeirantes, em Campo Grande, de onde furtaram uma TV de 50 polegadas que havia sido doada à instituição há cerca de um mês. O crime foi mais um do qual a instituição –uma ONG (Organização Não-Governamental) – foi vítima nos últimos tempos, segundo informou ao Campo Grande News a diretora da creche, Yara Cardoso de Almeida.

A creche Joias de Cristo existe há cerca de 60 anos e, atualmente, atende a cerca de 130 crianças com idades de 0 a 8 anos. Segundo Yara, a sede já foi “visitada” anteriormente por ladrões. Segundo ela, ultimamente a instituição recebeu várias doações de itens novos e, por isso, alguém teria percebido a movimentação e aguardado o momento oportuno para cometer o crime.

Conforme Yara, os invasores pularam o muro da creche e entraram no prédio por uma das janelas. A TV levada foi doada à instituição há um mês. “Ainda tenho a caixa e ela estava com a proteção de plástico”, lamentou a diretora. A ONG também recebeu a doação de uma câmera de segurança, que ainda não foi instalada, e de um alarme, que disparou por volta das 1h45 de sábado. Porém, quando as autoridades policiais chegaram, não encontraram os criminosos.

A diretora relatou que furtos são frequentes no local: recentemente um botijão de gás foi levado. Na semana passada, um dos 15 funcionários teve o celular furtado. A creche faria neste sábado um evento para arrecadar recursos a fim de ajudar no pagamento dos salários de seu pessoal –porém, em razão do mau tempo, ele foi adiado para a próxima semana.

A região na qual a instituição está instalada é comumente frequentada por usuários de drogas, sendo comum encontrar nos arredores itens como camisinhas e latas usadas para o consumo de entorpecentes. Não há informações sobre o paradeiro dos autores.

Fonte: Campo Grande News - Humberto Marques e Mirian Machado

Enquete

O uso de celular na educação deve ser:
Resultados
Publicidade
Banner Parceiros

Leia Também